Arquivo de electra

HÁ SEMPRE UMA SOLUÇÃO

Posted in cycle of live with tags , , , , , , on 3 de Maio de 2011 by Humberto

A propósito dum artigo e da troca de opiniões que se seguiu, recebi o texto que abaixo transcrevo. A bicicleta é sempre a solução e a que foi encontrada pelo José é mais uma prova da importância que a indústria nacional de bicicletas poderia ter se dedicasse mais tempo a compreender a reais necessidades de quem quer fazer da bicicleta o meio de transporte. Seguramente que o retorno financeiro não seria a salvação para a situação económica portuguesa, mas que ajudava ao deficit comercial e fazia bem ao ego, não restam dúvidas.

O importante é termos a coragem de sair por aí a pedalar. Querem um empurrão? Sigam o exemplo do José e tomem balanço a descer por aqui.

Bom dia!

Começo por agradecer a excelente recomendação do Humberto (SimplyCommuting) no seu comentário ao meu anterior testemunho, que me permitiu descobrir o seu magnífico site sobre o uso da bicicleta e – principalmente – sugeriu o uso de uma bicicleta eléctrica.
Assim, depois de muito pesquisar, optei por comprar uma BH Offroad 650. Claro que não é uma coisa de cidade, que é o que precisava, mas transforma-se bem…
Mudei os pneus para os meus preferidos brancos e gordos Fat Frank (não há mais confortável para os empedrados de Lisboa), troquei o guiador btt por um Electra Old School, com punhos Brooks, e para completar o principal comprei em segunda mão, numa simpática loja de Lisboa, um B67 da Brooks.
Juntei umas mariquices mais ou menos fundamentais (campaínha, luzes, conta-quilómetros, cadeado, bomba, saco de cabedal) e ficou como na foto anexa.
A electricidade mudou tudo! Passei a fazer 16,7km de percurso no mesmo tempo em que antes fazia 9,3km. E com o mesmo esforço!… Em 45min faço Olivais – Restelo ao fim da tarde e no dia seguinte volto no mesmo percurso em 50min (são mais 5min pela subida desde a zona ribeirinha). A autonomia é suficiente (à justa) para ir e voltar, usando sem economia o apoio eléctrico.
Recomendo vivamente!…
Abraço,
José S C

%d bloggers like this: