LEITURA DE FIM DE SEMANA


O livro que aqui deixo recomendado foi leitura pausada e prazenteira para algum tempo. Agora que o terminei acho-o de leitura obrigatória para quem olha a bicicleta como parte da solução para a mobilidade nas nossas cidades. Muito bem escrito e sobremaneira bem documentado, é um trabalho de Jeff Mapes, jornalista sénior especializado em política do The Oregonian, um diário de Portland, cidade emblemática na cultura ciclista dos Estados Unidos da América. Pedaling Revolution é um livro essencial para perceber os caminhos que a bicicleta está abrindo em terras do tio Sam. E como isto anda tudo tão bem ligado, sobra muito para trazer para casa.

Num tempo em que a bicicleta reclama um novo lugar numa sociedade totalmente autocentrada, o autor parte para a descoberta do estado da nação ciclista. De como o velocípede está a moldar a discussão em torno das questões do planeamento urbano e da mobilidade. Como as cidades estão a ser reequacionadas numa América que aos poucos vai despertando do sonho. Mates, ele próprio um commuter, maravilha-se em Amesterdão pela forma natural como nela coabitam bicicletas, peões, carros e camiões, leva-nos a São Francisco, Nova Iorque e Los Angeles a acompanhar bicicletadas. Preocupa-se com a obesidade e o sedentarismo, leva-nos à escola e mostra-nos variadas maneiras de levar o ciclismo urbano mais além da marginalidade social e do esquisitismo comportamental.

Pelas palavras de quem está à frente da maiores organizações locais de defesa e promoção da bicicleta, conhecemos um pouco da história do ciclismo urbano estadounidense. Do pioneirismo de Davis às dores de cabeça da Massa Crítica de NI, passando pela São Francisco da injunction sem esquecer a sua Portland, há muitos pedais revolucionários do lado de lá do Alântico. As questões da segurança, das ciclovias, das crianças, da economia, da política são analisadas de forma apaixonada mas sem ser panfletário. É um texo bastante revelador para quem como nós vive num mundo onde ainda há tanto por fazer.

Anúncios

Uma resposta to “LEITURA DE FIM DE SEMANA”

  1. […] com a revolução ciclística que se avizinha, espero que volte alguma da vida antiga à freguesia onde estou novamente de pedra […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: